Conceito de fine art na impressão digital.

Hoje em dia se fala muito em fine art ou impressão fine art e este assunto está diretamente ligado a fotografia e artes digitais, porém devemos esclarecer alguns pontos que ainda deixam dúvidas para o público que busca uma solução em impressão de alta qualidade.

– O nome Fine Art Print ou impressão de belas artes se deu pelo uso dos papéis de fibras naturais, como o algodão, que são produzidos e utilizados há mais de 500 anos por fábricas de extrema qualidade como a Canson francesa.

– Associado aos papéis, os pigmentos minerais desenvolvidos para esta finalidade oferecem uma excelente longevidade e uma gama de cores mais fiéis e precisas, no caso do casamento dos pigmentos HP Vivera com os papéis Canson Infinity, testes comprovam uma longevidade maior de 350 anos sem que apresentem desbotamento.

– Qualquer arquivo digital pode ser impresso em sistema fine art.
Porém, a qualidade final está diretamente ligada a qualidade do arquivo.
Desta maneira, fazemos tiragens de obras originalmente trabalhadas em técnicas manuais, fotografando, tratando a imagem e reproduzindo em fine art.

Nós da FR Fine Art, buscamos utilizar sempre os melhores produtos para a confecção de obras únicas ou séries, que mantenham a mesma qualidade e acuidade visual da obra original.

Qualquer divergência em papéis e pigmentos, o processo de impressão não é caracterizado como fine art, se tornando apenas uma impressão a jato de tinta ou giclée, que é o processo de tingimento da impressora.
Algumas empresas vendem baixa qualidade em papéis e pigmentos com os valores de impressão fine art e assim a denominam, pois, o público que ainda não conhece, não saberá diferenciar os tipos de impressão.

Produtos que não se caracterizam como fine art:
– Pigmentos que contenham corante, látex, solvente e produtos químicos voláteis.
– Papéis que contenham agentes branqueadores e ácidos, papéis resinados, lonas, transparências entre outros que apresentem características de baixa nobreza.

Como identificar:
– Em primeiro lugar, pelo cheiro, normalmente estes produtos de baixa qualidade apresentam um odor forte, tanto nos papéis e canvas como nos pigmentos usados.
Cheiro de solvente, verniz, tinta ou agentes químicos, tornando fácil o reconhecimento.

– Pela brancura do papel, os papéis nobres não são brancos, são neutros e, quando colocados lado a lado com papéis normais, os papéis nobres apresentam uma coloração levemente amarelada e os normais se tornam azulados.

Estamos à disposição para ajudar, qualquer dúvida entre em contato com a FR Fine Art.
No Brasil, somos em 18 impressores certificados Canson em diversos Estados, todos com trabalhos de alta qualidade.

Anúncios